• Anúncio Global
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

[Prob. Erro Tipo I] Estatística

Sub-seção para materiais das disciplinas relacionadas à Estatística.
Utilize a área de pedidos para outros ou caso a sub-seção da disciplina ainda não possua material.

Provas aplicadas, notas de aulas, listas de exercícios, gabaritos, bibliografias etc.
Regras do fórum
O objetivo desta seção é compartilhar alguns materiais dos próprios alunos do IME-USP, formandos e formados, das disciplinas do curso de Licenciatura em Matemática.

Dentre os materiais, organizados por disciplinas, você encontrará:
Provas aplicadas, notas de aulas, listas de exercícios, gabaritos e bibliografias, além de outros materiais indicados ou fornecidos pelos próprios professores.
A fonte e os créditos do autor devem ser citados sempre que disponíveis.

O intuito deste compartilhamento é favorecer um estudo complementar.

Utilize a seção de pedidos para outros ou caso a sub-seção ainda não possua material.
A pesquisa do fórum facilita a localização de materiais e outros assuntos já publicados.

[Prob. Erro Tipo I] Estatística

Mensagempor rods2292 » Ter Mar 29, 2016 22:46

Pessoal, estou estudando estatística depois de muitos anos para uma prova de certificação que irei realizar e estou relembrando algumas coisas. Eu me deparei com a questão abaixo e não consegui resolver. Andei relembrando sobre testes de hipóteses e tudo o mais mas não entendi muito bem como resolver essa questão. Alguém poderia me ajudar?

Deseja-se testar H0: \pi = 0,5 versus H1: \pi > 0,5 com base em uma amostra aleatória de tamanho 6 da distribuição Bernouli(\pi). Se a região crítica do teste é dada por \sum_{i=1}^{6} Xi \geq 5, a probabilidade de se cometer o erro tipo I é igual a:

Resp.: \frac{7}{64}

Eu sequer sei direito como iniciar esse exercício haja vista que só vejo exemplos de como se calcular utilizando a distribuição Normal. No enunciado acima a amostra tem tamanho 6 o que não me permite aproximar à uma Normal. Como eu posso resolver essa questão?
rods2292
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 2
Registrado em: Ter Mar 29, 2016 22:24
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Ciências Atuariais
Andamento: formado

Re: [Prob. Erro Tipo I] Estatística

Mensagempor vitor_jo » Dom Jul 10, 2016 04:09

Estou me enrolando com esse somatório maior igual a cinco... O que isso quer dizer?
Mas a ideia é a seguinte, você não faz por aproximação normal, não.

Supondo que esse somatório quisesse dizer que a região crítica fosse obter um mesmo resultado (sucesso ou fracasso) >=5 vezes... Não é isso que ele quer dizer, eu ainda não entendi bem, mas a ideia COM CERTEZA é essa:

Pela definição de erro tipo 1, você teria: rejeitar H0 quando ela é verdadeira, assim você usaria pi=0.5

No caso, a região crítica seria ter esse resultado (sucesso/fracasso) 5 ou 6 vezes, dentro das observações realizadas. Sendo pi=0.5 (pi=0.5 é verdade, pela definição), [1/2]^(5) +[1/2]^6 =3/64.

Sim, a resposta não bate. É que não entendi exatamente como ele define a região crítica, mas a ideia é essa.

Abraço
vitor_jo
Usuário Ativo
Usuário Ativo
 
Mensagens: 22
Registrado em: Qua Jan 14, 2015 05:36
Formação Escolar: PÓS-GRADUAÇÃO
Área/Curso: Economia
Andamento: cursando


Voltar para Estatística

 



  • Tópicos relacionados
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante

 



Assunto: Taxa de variação
Autor: felipe_ad - Ter Jun 29, 2010 19:44

Como resolvo uma questao desse tipo:

Uma usina de britagem produz pó de pedra, que ao ser depositado no solo, forma uma pilha cônica onde a altura é aproximadamente igual a 4/3 do raio da base.
(a) Determinar a razão de variação do volume em relação ao raio da base.
(b) Se o raio da base varia a uma taxa de 20 cm/s, qual a razão de variação do volume quando o raio mede 2 m?

A letra (a) consegui resolver e cheguei no resultado correto de \frac{4\pi{r}^{2}}{3}
Porem, nao consegui chegar a um resultado correto na letra (b). A resposta certa é 1,066\pi

Alguem me ajuda? Agradeço desde já.


Assunto: Taxa de variação
Autor: Elcioschin - Qua Jun 30, 2010 20:47

V = (1/3)*pi*r²*h ----> h = 4r/3

V = (1/3)*pi*r²*(4r/3) ----> V = (4*pi/9)*r³

Derivando:

dV/dr = (4*pi/9)*(3r²) -----> dV/dr = 4pi*r²/3

Para dr = 20 cm/s = 0,2 m/s e R = 2 m ----> dV/0,2 = (4*pi*2²)/3 ----> dV = (3,2/3)*pi ----> dV ~= 1,066*pi m³/s


Assunto: Taxa de variação
Autor: Guill - Ter Fev 21, 2012 21:17

Temos que o volume é dado por:

V = \frac{4\pi}{3}r^2


Temos, portanto, o volume em função do raio. Podemos diferenciar implicitamente ambos os lados da equação em função do tempo, para encontrar as derivadas em função do tempo:

\frac{dV}{dt} = \frac{8\pi.r}{3}.\frac{dr}{dt}


Sabendo que a taxa de variação do raio é 0,2 m/s e que queremos ataxa de variação do volume quando o raio for 2 m:

\frac{dV}{dt} = \frac{8\pi.2}{3}.\frac{2}{10}

\frac{dV}{dt} = \frac{16\pi}{15}


cron