• Anúncio Global
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

DUVIDAS JUROS SIMPLES E COMPOSTOS

DUVIDAS JUROS SIMPLES E COMPOSTOS

Mensagempor DANIEL » Seg Set 01, 2008 17:53

OLA PESSOAL, ESTOU COM ALGUMAS DUVIDAS PARA RESOLVER ALGUNS EXERCICIOS, SE ALGUEM PUDER ME AJUDAR AGRADEÇO.

1- DURANTE QUANTOS MESES DEVO DEIXAR 1.500,00 APLICADOS A TAXA DE 4% AO MÊS PARA RESGATAR 1/4 DE JUROS PELO REGIME DE JUROS COMPOSTOS?

2 - DOIS CAPITAIS, CUJA SOMA É DE 5OO,00, FORAM APLICADOS A JUROS SIMPLES. O PRIMEIRO A TAXA DE 3% AO MES E O SEGUNDO A TAXA DE 15% AO TRIMESTRE. CAUCULAR OS DOIS CAPITAIS, SABENDO QUE A SOMA DOS JUROS PRODUZIDOS, APÓS UM SEMESTRE, FOI 114,00.

OBRIGADO DANIEL.
DANIEL
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 2
Registrado em: Dom Ago 31, 2008 18:52
Formação Escolar: PÓS-GRADUAÇÃO
Área/Curso: direito
Andamento: formado

Re: DUVIDAS JUROS SIMPLES E COMPOSTOS

Mensagempor fabiosousa » Ter Set 02, 2008 01:15

Olá Daniel, seja bem-vindo!

Quais as dúvidas? Você não escreveu!

Para o exercício 1, como o número de meses é o expoente da expressão, tente utilizar logaritmos.
Para o 2, represente o que o enunciado diz e tente observar um sistema linear com duas equações e duas incógnitas.

Por favor, leia as regras do fórum.
Bons estudos!
Fábio Sousa
Equipe AjudaMatemática.com
| bibliografia | informações gerais | arquivo de dúvidas | desafios

"O tolo pensa que é sábio, mas o homem sábio sabe que ele próprio é um tolo."
William Shakespeare
Avatar do usuário
fabiosousa
Colaborador Administrador - Professor
Colaborador Administrador - Professor
 
Mensagens: 881
Registrado em: Qui Jul 19, 2007 10:58
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Licenciatura em Matemática IME-USP
Andamento: formado

Re: DUVIDAS JUROS SIMPLES E COMPOSTOS

Mensagempor DANIEL » Ter Set 02, 2008 10:12

BOM DIA FABIO, MINHA DUVIDA, POR NÃO SER DA AREA, É COMO MONTAR ESSE EXERCICIO, QUAL FORMULA USAR PARA RESOLVER ESTES 2 PROBLEMAS. MINHA AREA É A JURIDICA, POR ISSO NÃO CONHEÇO MUITO MATEMATICA FINANCEIRA, MAS ESTOU ESTUDANDO PARA APREDER. POR ISSO SE VOCE PUDER ME AJUDAR RESOLVER ESSES EXERCICIOS AGRADEÇO.


OBRIGADO DANIEL.
DANIEL
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 2
Registrado em: Dom Ago 31, 2008 18:52
Formação Escolar: PÓS-GRADUAÇÃO
Área/Curso: direito
Andamento: formado

Re: DUVIDAS JUROS SIMPLES E COMPOSTOS

Mensagempor fabiosousa » Ter Set 02, 2008 14:41

Olá Daniel, boa tarde!

Entenda que cada vez menos a resolução de problemas se resume a simples aplicações de "fórmulas".
Como o objetivo aqui é ajudar no percurso, como primeiro passo, sugiro que você estude sobre a expressão geral para juros compostos. É importante compreender como obtê-la. Fiz um comentário aqui:
http://www.ajudamatematica.com/viewtopic.php?f=113&t=332&p=946#p946

Como segundo passo, em algum livro para referência, procure pelo assunto logaritmo e estude suas propriedades. O motivo é que (você verá ao estudar a expressão para juros compostos) você precisa calcular o período que é um expoente. Para tanto, será necessário aplicar logaritmo aos dois membros da equação para "isolar" n.

Melhor conversarmos sobre o 2º depois que você resolver o 1º, caso queira.
Bons estudos e escreva novas dúvidas. Até mais!
Fábio Sousa
Equipe AjudaMatemática.com
| bibliografia | informações gerais | arquivo de dúvidas | desafios

"O tolo pensa que é sábio, mas o homem sábio sabe que ele próprio é um tolo."
William Shakespeare
Avatar do usuário
fabiosousa
Colaborador Administrador - Professor
Colaborador Administrador - Professor
 
Mensagens: 881
Registrado em: Qui Jul 19, 2007 10:58
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Licenciatura em Matemática IME-USP
Andamento: formado


Voltar para Matemática Financeira

 



  • Tópicos relacionados
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes

 



Assunto: Taxa de variação
Autor: felipe_ad - Ter Jun 29, 2010 19:44

Como resolvo uma questao desse tipo:

Uma usina de britagem produz pó de pedra, que ao ser depositado no solo, forma uma pilha cônica onde a altura é aproximadamente igual a 4/3 do raio da base.
(a) Determinar a razão de variação do volume em relação ao raio da base.
(b) Se o raio da base varia a uma taxa de 20 cm/s, qual a razão de variação do volume quando o raio mede 2 m?

A letra (a) consegui resolver e cheguei no resultado correto de \frac{4\pi{r}^{2}}{3}
Porem, nao consegui chegar a um resultado correto na letra (b). A resposta certa é 1,066\pi

Alguem me ajuda? Agradeço desde já.


Assunto: Taxa de variação
Autor: Elcioschin - Qua Jun 30, 2010 20:47

V = (1/3)*pi*r²*h ----> h = 4r/3

V = (1/3)*pi*r²*(4r/3) ----> V = (4*pi/9)*r³

Derivando:

dV/dr = (4*pi/9)*(3r²) -----> dV/dr = 4pi*r²/3

Para dr = 20 cm/s = 0,2 m/s e R = 2 m ----> dV/0,2 = (4*pi*2²)/3 ----> dV = (3,2/3)*pi ----> dV ~= 1,066*pi m³/s


Assunto: Taxa de variação
Autor: Guill - Ter Fev 21, 2012 21:17

Temos que o volume é dado por:

V = \frac{4\pi}{3}r^2


Temos, portanto, o volume em função do raio. Podemos diferenciar implicitamente ambos os lados da equação em função do tempo, para encontrar as derivadas em função do tempo:

\frac{dV}{dt} = \frac{8\pi.r}{3}.\frac{dr}{dt}


Sabendo que a taxa de variação do raio é 0,2 m/s e que queremos ataxa de variação do volume quando o raio for 2 m:

\frac{dV}{dt} = \frac{8\pi.2}{3}.\frac{2}{10}

\frac{dV}{dt} = \frac{16\pi}{15}


cron