• Anúncio Global
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

me ajudem (EQUIVALENCIA DE CAPITAIS A JUROS COMPOSTOS)

me ajudem (EQUIVALENCIA DE CAPITAIS A JUROS COMPOSTOS)

Mensagempor leonardo pesce » Qua Mai 26, 2010 17:05

ME AJUDEM A RESOLVER ESTE EXERCICIO.

CARLOS PRETENDE VENDER SEU TERRENO PELO PREÇO DE $600.000,00 A VISTA. ENTRETANTO, EM FACE DAS DIFICULDADES DE VENDA A VISTA, ESTA DISPOSTO A FAZER O SEGUINTE PLANO DE PAGAMENTO:
-ENTRADA DE $120.000,00
- $250.000,00 NO FIM DE 6 MESES
- DUAS PARCELAS, SENDO A SEGUNDA 50% SUPERIOR A PRIMEIRA, VENCIVEIS EM 1 ANO E 15 MESES RESPECTIVAMENTE.
ADMITINDO-SE QUE A TAXA DE JUROS DE MERCADO É DE 6% AO MES, REGIME DE CAPITALIZAÇÃO COMPOSTO.
leonardo pesce
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 2
Registrado em: Qua Mai 26, 2010 13:19
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: administração
Andamento: cursando

Re: me ajudem (EQUIVALENCIA DE CAPITAIS A JUROS COMPOSTOS)

Mensagempor Nino Schnorr » Qua Mai 26, 2010 20:17

CARLOS PRETENDE VENDER SEU TERRENO PELO PREÇO DE $600.000,00 A VISTA. ENTRETANTO, EM FACE DAS DIFICULDADES DE VENDA A VISTA, ESTA DISPOSTO A FAZER O SEGUINTE PLANO DE PAGAMENTO:
-ENTRADA DE $120.000,00
- $250.000,00 NO FIM DE 6 MESES
- DUAS PARCELAS, SENDO A SEGUNDA 50% SUPERIOR A PRIMEIRA, VENCIVEIS EM 1 ANO E 15 MESES RESPECTIVAMENTE.
ADMITINDO-SE QUE A TAXA DE JUROS DE MERCADO É DE 6% AO MES, REGIME DE CAPITALIZAÇÃO COMPOSTO.

Para tentar resulver precisa ficar claro a forma de pagamento:
São três pagamentos, além da entrada, isto: 6 meses 12 meses e 15 meses?
Nino Schnorr
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 3
Registrado em: Sex Mai 21, 2010 09:18
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Contador
Andamento: formado

Re: me ajudem (EQUIVALENCIA DE CAPITAIS A JUROS COMPOSTOS)

Mensagempor leonardo pesce » Sex Mai 28, 2010 15:19

a de 250000 foi feita em 6 meses, as outras duas uma em 1 ano e a outra em 15meses
leonardo pesce
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 2
Registrado em: Qua Mai 26, 2010 13:19
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: administração
Andamento: cursando

Re: me ajudem (EQUIVALENCIA DE CAPITAIS A JUROS COMPOSTOS)

Mensagempor Rose Carla » Qui Jun 22, 2017 01:57

Nino Schnorr escreveu:CARLOS PRETENDE VENDER SEU TERRENO PELO PREÇO DE $600.000,00 A VISTA. ENTRETANTO, EM FACE DAS DIFICULDADES DE VENDA A VISTA, ESTA DISPOSTO A FAZER O SEGUINTE PLANO DE PAGAMENTO:
-ENTRADA DE $120.000,00
- $250.000,00 NO FIM DE 6 MESES
- DUAS PARCELAS, SENDO A SEGUNDA 50% SUPERIOR A PRIMEIRA, VENCÍVEIS EM 1 ANO E 15 MESES RESPECTIVAMENTE.
ADMITINDO-SE QUE A TAXA DE JUROS DE MERCADO É DE 6% AO MÊS, REGIME DE CAPITALIZAÇÃO COMPOSTO.

Para tentar resolver precisa ficar claro a forma de pagamento:
São três pagamentos, além da entrada, isto: 6 meses 12 meses e 15 meses?

Resposta:
R$600000 - 120000= 480000 ( valor à vista menos o valor da entrada)
480000=250000/(1,06)^6 + x/(1,06)^12 + 1,5x/(1,06) ^15
480000= 176240,13 + x ( 1/2,012196472 + 1,5/ 2,396558193)
480000= 176240,13 + 1,122866955x
1,122866955 x = 480000 - 176240,13
x = 303759,87 / 1,122866955 = 270521,69
R: O valor da ultima parcela (que vence em 15 meses) 270521,69 * 1,5 = 405 782,54
Rose Carla
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 1
Registrado em: Qui Jun 22, 2017 01:35
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Matemática Financeira
Andamento: cursando


Voltar para Matemática Financeira

 



  • Tópicos relacionados
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 5 visitantes

 



Assunto: Taxa de variação
Autor: felipe_ad - Ter Jun 29, 2010 19:44

Como resolvo uma questao desse tipo:

Uma usina de britagem produz pó de pedra, que ao ser depositado no solo, forma uma pilha cônica onde a altura é aproximadamente igual a 4/3 do raio da base.
(a) Determinar a razão de variação do volume em relação ao raio da base.
(b) Se o raio da base varia a uma taxa de 20 cm/s, qual a razão de variação do volume quando o raio mede 2 m?

A letra (a) consegui resolver e cheguei no resultado correto de \frac{4\pi{r}^{2}}{3}
Porem, nao consegui chegar a um resultado correto na letra (b). A resposta certa é 1,066\pi

Alguem me ajuda? Agradeço desde já.


Assunto: Taxa de variação
Autor: Elcioschin - Qua Jun 30, 2010 20:47

V = (1/3)*pi*r²*h ----> h = 4r/3

V = (1/3)*pi*r²*(4r/3) ----> V = (4*pi/9)*r³

Derivando:

dV/dr = (4*pi/9)*(3r²) -----> dV/dr = 4pi*r²/3

Para dr = 20 cm/s = 0,2 m/s e R = 2 m ----> dV/0,2 = (4*pi*2²)/3 ----> dV = (3,2/3)*pi ----> dV ~= 1,066*pi m³/s


Assunto: Taxa de variação
Autor: Guill - Ter Fev 21, 2012 21:17

Temos que o volume é dado por:

V = \frac{4\pi}{3}r^2


Temos, portanto, o volume em função do raio. Podemos diferenciar implicitamente ambos os lados da equação em função do tempo, para encontrar as derivadas em função do tempo:

\frac{dV}{dt} = \frac{8\pi.r}{3}.\frac{dr}{dt}


Sabendo que a taxa de variação do raio é 0,2 m/s e que queremos ataxa de variação do volume quando o raio for 2 m:

\frac{dV}{dt} = \frac{8\pi.2}{3}.\frac{2}{10}

\frac{dV}{dt} = \frac{16\pi}{15}