• Anúncio Global
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

[Derivação]

[Derivação]

Mensagempor carolinenonato » Ter Abr 03, 2012 16:30

Derivar 2 vezes essa equação: \theta= 1,2*cos(4*\Pi*{t}^{3})

Essa questão caiu na minha prova e eu fiquei com muita duvida. o resultado da primeira derivação é: \theta= -12*\Pi*{t}^{2}*sen(4*\Pi*{t}^{3}) ????

E a segunda derivação eu fiz utilizando regra do produto mas ficou uma equação estranha e enfim, não consegui resolve-la direito.

Ajudem , por favor.

Obrigada.
carolinenonato
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 2
Registrado em: Ter Abr 03, 2012 16:09
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: engenharia civil
Andamento: cursando

Re: [Derivação]

Mensagempor NMiguel » Ter Abr 03, 2012 18:37

Se \theta= 1,2 \cdot \cos(4 \pi {t}^{3})

então, \theta'= 1,2 \cdot -\sin(4 \pi {t}^{3}) \cdot (4 \pi {t}^{3})' = - 1,2 \cdot \sin(4 \pi {t}^{3}) \cdot (12 \pi {t}^{2})= - 14,4 \cdot \pi {t}^{2} \sin(4 \pi {t}^{3})

Quanto à segunda derivada temos:

\theta''= - 14,4 \cdot \pi( {t}^{2} \sin(4 \pi {t}^{3}))'' = -14,4 \cdot \pi ({t}^{2}' \sin(4 \pi {t}^{3}) + {t}^{2} \sin(4 \pi {t}^{3})') =

=-14,4 \cdot \pi (2t \sin(4 \pi {t}^{3}) + {t}^{2} \cos(4 \pi {t}^{3}) \cdot ( 4 \pi {t}^{3})')=

=-14,4 \cdot \pi (2t \sin(4 \pi {t}^{3}) + {t}^{2} \cos(4 \pi {t}^{3}) \cdot ( 12 \pi {t}^{2})) =

= -28,8 \cdot \pi t \sin(4 \pi {t}^{3}) - 172,8 \cdot \pi ^{2}  {t}^{4} \cos(4 \pi {t}^{3}))
NMiguel
Usuário Dedicado
Usuário Dedicado
 
Mensagens: 34
Registrado em: Ter Abr 19, 2011 17:09
Formação Escolar: PÓS-GRADUAÇÃO
Área/Curso: Matemática
Andamento: formado

Re: [Derivação]

Mensagempor carolinenonato » Ter Abr 03, 2012 19:28

Obrigada NMiguel.

Caso fosse uma soma: \theta= 1.2 + cos(4.\Pi.{t}^{3}) ia ser a" mesma coisa" mas o 1,2 iria ser desconsiderado na primeira derivação por ser uma constante?
carolinenonato
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 2
Registrado em: Ter Abr 03, 2012 16:09
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: engenharia civil
Andamento: cursando

Re: [Derivação]

Mensagempor MarceloFantini » Ter Abr 03, 2012 20:32

Sim, o método seria o mesmo. Quero lembrar que 1,2 não seria "desconsiderado", mas o fato que ao derivar uma constante temos zero.
Futuro MATEMÁTICO
e^{\pi \cdot i} +1 = 0
MarceloFantini
Colaborador Moderador
Colaborador Moderador
 
Mensagens: 3126
Registrado em: Seg Dez 14, 2009 11:41
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Andamento: formado


Voltar para Cálculo: Limites, Derivadas e Integrais

 



  • Tópicos relacionados
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 9 visitantes

 



Assunto: cálculo de limites
Autor: Hansegon - Seg Ago 25, 2008 11:29

Bom dia.

Preciso de ajuda na solução deste problema, pois só chego ao resultado de 0 sobre 0.
Obrigado

\lim_{x\rightarrow-1} x³ +1/x²-1[/tex]


Assunto: cálculo de limites
Autor: Molina - Seg Ago 25, 2008 13:25

\lim_{x\rightarrow-1} \frac{{x}^{3}+1}{{x}^{2}-1}

Realmente se você jogar o -1 na equação dá 0 sobre 0.
Indeterminações deste tipo você pode resolver por L'Hôpital
que utiliza derivada.
Outro modo é transformar o numerador e/ou denominador
para que não continue dando indeterminado.

Dica: dividir o numerador e o denominador por algum valor é uma forma que normalmente dá certo. :y:

Caso ainda não tenha dado uma :idea:, avisa que eu resolvo.

Bom estudo!


Assunto: cálculo de limites
Autor: Guill - Dom Abr 08, 2012 16:03

\lim_{x\rightarrow-1}\frac{x^3+1}{x^2-1}

\lim_{x\rightarrow-1}\frac{(x+1)(x^2-x+1)}{(x+1)(x-1)}

\lim_{x\rightarrow-1}\frac{(x^2-x+1)}{(x-1)}=\frac{-3}{2}


cron