• Anúncio Global
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

resolva estes probleminhas!

resolva estes probleminhas!

Mensagempor leandro moraes » Sex Jul 02, 2010 15:51

pessoal resolva explicando!
04. Um alfaiate pagou R$ 960,00 por uma peça de fazenda e R$ 768,00 por outra de mesma qualidade. Qual o comprimento de cada uma das peças, sabendo-se que a primeira tem 12m a mais do que a segunda?


08. Empregaram-se 27,4kg de lã para fabricar 24m de tecido de 60cm de largura. Qual será o comprimento do tecido que se poderia fabricar com 3,425 toneladas de lã para se obter uma largura de 0,90m?
leandro moraes
Usuário Dedicado
Usuário Dedicado
 
Mensagens: 38
Registrado em: Ter Jan 12, 2010 23:38
Formação Escolar: ENSINO MÉDIO
Área/Curso: contabilidade
Andamento: formado

Re: resolva estes probleminhas!

Mensagempor Tom » Sex Jul 02, 2010 19:59

04)

Considerando que existe uma relação linear entre o preço da ferramenta e o tamanho da mesma, bem como, entre o preço da ferramenta e a sua qualidade.
Como as peças tem a mesma qualidade, consideraremos apenas a relação entre preço e tamanho.

Seguindo a lógica, uma peça maior seria mais cara, logo a relação de proporcionalidade é direta. Assim, temos:

\dfrac{960}{768}=\dfrac{x+12}{x} , onde x é o comprimento da menor ferramenta.

\dfrac{5}{4}=\dfrac{x+12}{x}\rightarrow 5x=4x+48 e , portanto, x=48

Finalmente, as peças medem 48m e 60m



05) Considerando que ambos os tecidos tem a mesma densidade superficial de lã ,então a quantidade de lã utilizada é diretamente proporcional a área do tecido, isto é:

\dfrac{L_1}{L_2}=\dfrac{A_1}{A_2}, onde L_1,L_2 representam as respectivas quantidades de lã utilizadas nos tecidos um e dois de áreas A_1,A_2, respectivamente.

Ora, A_1=24.0,6m^2 e A_2=0,9x, onde x é o comprimento do segundo tecido.

Assim: \dfrac{27,4}{3425}=\dfrac{24.0,6}{0,9x}\rightarrow x=\dfrac{24.0,6.3425}{27,4.0,9}=2000

Isto é, o comprimento do tecido produzido é 2000m , ou ainda, 2km
Tom
Usuário Parceiro
Usuário Parceiro
 
Mensagens: 75
Registrado em: Sex Jul 02, 2010 00:42
Formação Escolar: ENSINO MÉDIO PROFISSIONALIZANTE
Área/Curso: Automação e Controle Industrial
Andamento: formado


Voltar para Cálculo: Limites, Derivadas e Integrais

 



  • Tópicos relacionados
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 6 visitantes

 



Assunto: Unesp - 95 Números Complexos
Autor: Alucard014 - Dom Ago 01, 2010 18:22

(UNESP - 95) Seja L o Afixo de um Número complexo a=\sqrt{8}+ i em um sistema de coordenadas cartesianas xOy. Determine o número complexo b , de módulo igual a 1 , cujo afixo M pertence ao quarto quadrante e é tal que o ângulo LÔM é reto.


Assunto: Unesp - 95 Números Complexos
Autor: MarceloFantini - Qui Ago 05, 2010 17:27

Seja \alpha o ângulo entre o eixo horizontal e o afixo a. O triângulo é retângulo com catetos 1 e \sqrt{8}, tal que tg \alpha = \frac{1}{sqrt{8}}. Seja \theta o ângulo complementar. Então tg \theta = \sqrt{8}. Como \alpha + \theta = \frac{\pi}{2}, o ângulo que o afixo b formará com a horizontal será \theta, mas negativo pois tem de ser no quarto quadrante. Se b = x+yi, então \frac{y}{x} = \sqrt {8} \Rightarrow y = x\sqrt{8}. Como módulo é um: |b| = \sqrt { x^2 + y^2 } = 1 \Rightarrow x^2 + y^2 = 1 \Rightarrow x^2 + 8x^2 = 1 \Rightarrow x = \frac{1}{3} \Rightarrow y = \frac{\sqrt{8}}{3}.

Logo, o afixo é b = \frac{1 + i\sqrt{8}}{3}.