• Anúncio Global
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Achar a equação da metade inferior da circunferência

Achar a equação da metade inferior da circunferência

Mensagempor Caroline Oliveyra » Ter Jul 12, 2011 21:58

Oie!

Tem um exercício aqui que pede para achar a equação da metade inferior da circunferência x^2 + y^2 = 4. Bom, pela equação dá pra notar que a circunferência tem centro na origem e raio 2, certo? Então. A metade inferior da circunferência vai ser onde y < 0. Acontece que isolando y a equação fica y = \sqrt[2]{4 - x^2}. Meus limitados conhecimentos matemáticos me dizem que não é possível o resultado de uma raiz com índice par ser um número real negativo. Nesse caso eu tenho que usar números complexos? Aliás, existe lei de função com números complexos? o.O'

Tem outro exercício parecido pendindo pra encontrar a equação da metade inferior da parábola x + y^2 = 0. Também usei o mesmo raciocínio da outra questão e a dúvida é a mesma: existe essa equação?

Vou postar um mooonte de dúvidas ainda, quem puder ir me ajudando eu agradeço MUITOOO!!

Beijos!! ;)
"... então não importa se você é antílope ou leão; amanheceu, comece a correr."
Caroline Oliveyra
Usuário Ativo
Usuário Ativo
 
Mensagens: 23
Registrado em: Dom Jun 19, 2011 13:35
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Engenharia Metalúrgica e de Materiais
Andamento: cursando

Re: Achar a equação da metade inferior da circunferência

Mensagempor LuizAquino » Ter Jul 12, 2011 22:07

Observação

Se a é um número real positivo, então a equação x^2 = a tem solução x = \pm \sqrt{a} .

Desse modo, resolvendo a equação x^2 + y^2 = 4 na incógnita y, obtemos y = \pm \sqrt{4-x^2} .
lcmaquino.org | youtube.com/LCMAquino | facebook.com/Canal.LCMAquino | @lcmaquino | +LCMAquino

"Sem esforço, não há ganho."
Dito popular.
Avatar do usuário
LuizAquino
Colaborador Moderador - Professor
Colaborador Moderador - Professor
 
Mensagens: 2651
Registrado em: Sex Jan 21, 2011 09:11
Localização: Teófilo Otoni - MG
Formação Escolar: PÓS-GRADUAÇÃO
Área/Curso: Mestrado - Modelagem Computacional
Andamento: formado

Re: Achar a equação da metade inferior da circunferência

Mensagempor Caroline Oliveyra » Ter Jul 12, 2011 22:21

Ah, é! Eu sempre esqueço desse "mais ou menos" na frente da raiz... *-) Se eu errar uma questão de cálculo por causa disso eu choro uma semana... ¬¬'''''''''

Obrigada!!

BJOO!
"... então não importa se você é antílope ou leão; amanheceu, comece a correr."
Caroline Oliveyra
Usuário Ativo
Usuário Ativo
 
Mensagens: 23
Registrado em: Dom Jun 19, 2011 13:35
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Engenharia Metalúrgica e de Materiais
Andamento: cursando

Re: Achar a equação da metade inferior da circunferência

Mensagempor Caroline Oliveyra » Qua Jul 13, 2011 14:04

Oie!

A da circunferência eu entendi, mas a daparábola não...

Se a equação da parábola é x + y^2 = 0 quando eu isolar o y a equação vai ficar x = \sqrt[2]{-x}. Isso não existe, existe? Meus conhecimentos limitados de matemática me dizem mais uma vez que não (se bem que eu me enganei da outra vez, né? ). A equação da parábola existe?

OBRIGADA!!

Beijos!! ;) ;)
"... então não importa se você é antílope ou leão; amanheceu, comece a correr."
Caroline Oliveyra
Usuário Ativo
Usuário Ativo
 
Mensagens: 23
Registrado em: Dom Jun 19, 2011 13:35
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Engenharia Metalúrgica e de Materiais
Andamento: cursando

Re: Achar a equação da metade inferior da circunferência

Mensagempor LuizAquino » Qua Jul 13, 2011 15:36

Temos a equação x + y^2 = 0 .

Resolvendo essa equação em y, obtemos y = \pm \sqrt{-x} . Essa solução é real apenas se x for qualquer número real negativo ou o zero.

Desse modo, a equação da metade inferior dessa parábola será:
y = - \sqrt{-x} , com x \leq 0 .
lcmaquino.org | youtube.com/LCMAquino | facebook.com/Canal.LCMAquino | @lcmaquino | +LCMAquino

"Sem esforço, não há ganho."
Dito popular.
Avatar do usuário
LuizAquino
Colaborador Moderador - Professor
Colaborador Moderador - Professor
 
Mensagens: 2651
Registrado em: Sex Jan 21, 2011 09:11
Localização: Teófilo Otoni - MG
Formação Escolar: PÓS-GRADUAÇÃO
Área/Curso: Mestrado - Modelagem Computacional
Andamento: formado

Re: Achar a equação da metade inferior da circunferência

Mensagempor Caroline Oliveyra » Qua Jul 13, 2011 15:44

Ah sim! Eu não tinha visto por esse lado. Se x for negativo o sinal de menos da raiz torna a equação possível.

Obrigada!!

BEIJOOOS!
"... então não importa se você é antílope ou leão; amanheceu, comece a correr."
Caroline Oliveyra
Usuário Ativo
Usuário Ativo
 
Mensagens: 23
Registrado em: Dom Jun 19, 2011 13:35
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Engenharia Metalúrgica e de Materiais
Andamento: cursando


Voltar para Geometria Analítica

 



  • Tópicos relacionados
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes

 



Assunto: [Função] do primeiro grau e quadratica
Autor: Thassya - Sáb Out 01, 2011 16:20

1) Para que os pontos (1,3) e (-3,1) pertençam ao grafico da função f(X)=ax + b ,o valor de b-a deve ser ?

2)Qual o maior valor assumido pela função f : [-7 ,10] em R definida por f(x) = x ao quadrado - 5x + 9?

3) A função f, do primeiro grau, é definida pos f(x)= 3x + k para que o gráfico de f corte o eixo das ordenadas no ponto de ordenada 5 é?


Assunto: [Função] do primeiro grau e quadratica
Autor: Neperiano - Sáb Out 01, 2011 19:46

Ola

Qual as suas dúvidas?

O que você não está conseguindo fazer?

Nos mostre para podermos ajudar

Atenciosamente


Assunto: [Função] do primeiro grau e quadratica
Autor: joaofonseca - Sáb Out 01, 2011 20:15

1)Dados dois pontos A=(1,3) e B=(-3,1) de uma reta, é possivel definir a sua equação.

y_{b}-y_{a}=m(x_{b}-x_{a})

1-3=m(-3-1) \Leftrightarrow -2=-4m \Leftrightarrow m=\frac{2}{4} \Leftrightarrow m=\frac{1}{2}

Em y=mx+b substitui-se m, substitui-se y e x por um dos pares ordenados, e resolve-se em ordem a b.

3=\frac{1}{2} \cdot 1+b\Leftrightarrow 3-\frac{1}{2}=b \Leftrightarrow b=\frac{5}{2}



2)Na equação y=x^2-5x+9 não existem zeros.Senão vejamos

Completando o quadrado,

(x^2-5x+\frac{25}{4})+9-\frac{25}{4} =0\Leftrightarrow (x-\frac{5}{2})^2+\frac{11}{4}=0

As coordenadas do vertice da parabola são (\frac{5}{2},\frac{11}{4})

O eixo de simetria é a reta x=\frac{5}{2}.Como se pode observar o vertice está acima do eixo Ox, estando parabola virada para cima, o vertice é um mínimo absoluto.Então basta calcular a função para os valores dos extremos do intervalo.

f(-7)=93
f(10)=59