• Anúncio Global
    Respostas
    Exibições
    Última mensagem

[Matriz]-Nulidade

[Matriz]-Nulidade

Mensagempor Ana_Rodrigues » Qua Mar 14, 2012 17:14

Qual a diferença entre a nulidade de uma matriz e a nulidade de um sistema?
Eu sei que a nulidade de um sistema vai indicar as possíveis (uma, infinitas ou nenhuma) soluções para esse sistema,porém não entendo pra que serve a nulidade de uma matriz, já que ambas são calculadas de maneira diferente.

Agradeço desde já, a quem me ajudar a entender!
Ana_Rodrigues
Usuário Parceiro
Usuário Parceiro
 
Mensagens: 51
Registrado em: Seg Nov 14, 2011 09:44
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Engenharia Elétrica
Andamento: cursando

Re: [Matriz]-Nulidade

Mensagempor MarceloFantini » Qua Mar 14, 2012 18:33

Você está possivelmente confundindo conceitos. A nulidade de uma matriz são as matrizes coluna X tais que AX=0. Não existe conceito análogo para "nulidade" de um sistema.
Futuro MATEMÁTICO
e^{\pi \cdot i} +1 = 0
MarceloFantini
Colaborador Moderador
Colaborador Moderador
 
Mensagens: 3126
Registrado em: Seg Dez 14, 2009 11:41
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Andamento: formado

Re: [Matriz]-Nulidade

Mensagempor Ana_Rodrigues » Qua Mar 14, 2012 18:44

Acho que eu não soube expressar minha dúvida.

Por onde eu estou estudando existem duas formas de calcular a nulidade de uma matriz:
N=n-p

onde:
n= numero de colunas da matriz
p= posto da matriz (que é o numero de linhas não nulas na matriz ampliada)

e

N=n-p

onde:

n=numero de incógnitas do sistema ou se preferir numero de incógnitas da matriz incógnitas
p= posto da matriz (neste caso há uma comparação entre o posto da matriz coeficiente e o posto da matriz ampliada).




Quero saber qual a diferença entre essas duas formas de calcular a nulidade, o que a primeira quer dizer?
Ana_Rodrigues
Usuário Parceiro
Usuário Parceiro
 
Mensagens: 51
Registrado em: Seg Nov 14, 2011 09:44
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: Engenharia Elétrica
Andamento: cursando

Re: [Matriz]-Nulidade

Mensagempor MarceloFantini » Qua Mar 14, 2012 18:52

Um fato sobre matrizes é que o posto por linhas é igual ao posto por colunas. Ou seja, se você tem uma matriz não quadrada, seu posto será p(A) \leq m se A for m \times n com m<n (nada de especial em ter menos linhas que colunas). Essas duas formas são equivalentes, a mesma maneira de dizer a mesma coisa. Mas a nulidade não diz se o sistema é impossível ou possível.
Futuro MATEMÁTICO
e^{\pi \cdot i} +1 = 0
MarceloFantini
Colaborador Moderador
Colaborador Moderador
 
Mensagens: 3126
Registrado em: Seg Dez 14, 2009 11:41
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Andamento: formado

Re: [Matriz]-Nulidade

Mensagempor caiou » Ter Jun 12, 2018 21:07

Você confundiu os conceitos, o segundo N= n-p, não é nulidade, e sim grau de liberdade.
caiou
Novo Usuário
Novo Usuário
 
Mensagens: 1
Registrado em: Ter Jun 12, 2018 21:04
Formação Escolar: GRADUAÇÃO
Área/Curso: bacharelado em sistema de informação
Andamento: cursando


Voltar para Matrizes e Determinantes

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes

 



Assunto: [Função] do primeiro grau e quadratica
Autor: Thassya - Sáb Out 01, 2011 16:20

1) Para que os pontos (1,3) e (-3,1) pertençam ao grafico da função f(X)=ax + b ,o valor de b-a deve ser ?

2)Qual o maior valor assumido pela função f : [-7 ,10] em R definida por f(x) = x ao quadrado - 5x + 9?

3) A função f, do primeiro grau, é definida pos f(x)= 3x + k para que o gráfico de f corte o eixo das ordenadas no ponto de ordenada 5 é?


Assunto: [Função] do primeiro grau e quadratica
Autor: Neperiano - Sáb Out 01, 2011 19:46

Ola

Qual as suas dúvidas?

O que você não está conseguindo fazer?

Nos mostre para podermos ajudar

Atenciosamente


Assunto: [Função] do primeiro grau e quadratica
Autor: joaofonseca - Sáb Out 01, 2011 20:15

1)Dados dois pontos A=(1,3) e B=(-3,1) de uma reta, é possivel definir a sua equação.

y_{b}-y_{a}=m(x_{b}-x_{a})

1-3=m(-3-1) \Leftrightarrow -2=-4m \Leftrightarrow m=\frac{2}{4} \Leftrightarrow m=\frac{1}{2}

Em y=mx+b substitui-se m, substitui-se y e x por um dos pares ordenados, e resolve-se em ordem a b.

3=\frac{1}{2} \cdot 1+b\Leftrightarrow 3-\frac{1}{2}=b \Leftrightarrow b=\frac{5}{2}



2)Na equação y=x^2-5x+9 não existem zeros.Senão vejamos

Completando o quadrado,

(x^2-5x+\frac{25}{4})+9-\frac{25}{4} =0\Leftrightarrow (x-\frac{5}{2})^2+\frac{11}{4}=0

As coordenadas do vertice da parabola são (\frac{5}{2},\frac{11}{4})

O eixo de simetria é a reta x=\frac{5}{2}.Como se pode observar o vertice está acima do eixo Ox, estando parabola virada para cima, o vertice é um mínimo absoluto.Então basta calcular a função para os valores dos extremos do intervalo.

f(-7)=93
f(10)=59